Mentoria literária

Mentoria é uma relação pessoal na qual geralmente alguém com uma longa estrada em algum tipo de trabalho orienta uma pessoa menos experiente no assunto.

Na minha mentoria literária, a ideia é orientar autores que buscam amadurecer a sua escrita, e também desorientá-los, desarrumá-los por dentro, desajustá-los, para que apurem o olho, reparem em tudo o que há de mais belo, perturbador e aparentemente sem importância no dia a dia, e escrevam com cada vez mais segurança,  autenticidade e senso crítico; enfim, trabalhamos juntos para que escrever seja uma das possíveis consequências de viver de uma forma mais original, interessante e sedutora, em estado de poesia e reparo permanente.

Também tenho trabalhado com autores que já têm uma longa estrada, mas que sentem falta de um olhar crítico sobre o que escrevem.

Para ter uma ideia mais clara de como é esse trabalho, leia o texto abaixo.

Diariamente, editores de todo o Brasil recebem milhares de textos de autores que desejam publicar livros. Como já disse um editor, esses textos “costumam ser muito bons e muito originais. Infelizmente, na maioria das vezes, o que é bom não é original e o que é original não é bom”.
Então, movidos pela busca do equilíbrio entre qualidade e originalidade, depois que escrevem um livro, os autores geralmente procuram por alguém da sua confiança para avaliar se o que escreveram está mesmo pronto para ser publicado, ou se valeria a pena fazer ajustes na estrutura do texto, no fio da história, na construção de diálogos, na linguagem usada, na composição de personagens, na verdade emocional da obra.
Ao longo desse processo, muitas dúvidas costumam povoar a cabeça de quem colocou o ponto final em um texto, ou está em pleno processo criativo. Por isso, para saber se o que escreveu está pronto para ser enviado a uma editora, normalmente os autores recorrem às opiniões de amigos, familiares ou de outros escritores. Só que, em geral, essas pessoas não conseguem expressar um verdadeiro parecer crítico, por inexperiência na área, ausência de senso crítico, intimidade demais com o autor, medo de decepcioná-lo, falta de tempo, desejo de não se comprometer, ou indisponibilidade para fazer uma avaliação sensível, profunda e imparcial.
Com isso, os autores acabam escutando das pessoas frases de incentivo, ou não, mas sem justificativas críticas que colaborem para o amadurecimento do livro e aumentem as possibilidades de uma resposta positiva do mercado.
Foi a partir desta lacuna crítica que comecei a receber solicitações de autores de todos os gêneros, iniciantes ou não, que gostariam de uma mentoria literária. Assim, ao longo de vinte e dois anos, tenho recebido autores na minha residência, em Copacabana, ou trabalhado à distância, e viajado a outras cidades, especialmente para apresentar comentários e sugestões profissionais para escritores em todo o Brasil.
Ao longo desse processo, várias dúvidas rondam a cabeça de romancistas, autores de literatura infantil e juvenil, cronistas, poetas e contistas. Será que há excessos no texto que poderiam ser enxugados, ou excluídos? Como identificar trechos truncados, redundâncias de recursos criativos, banalizações de imagens, situações inverossímeis, didatismos supérfluos, clichês, incoerências, obviedades, maniqueísmos, ruídos, descaracterizações de estilo, falta de ritmo, e obstruções narrativas? Que caminho o autor está seguindo com o texto? O que fazer para achar o fio, a cara, o norte do livro? O que esse autor mais busca quando escreve? Qual a importância da escrita literária na sua vida?
E quando um autor é econômico demais na criação da sua obra, com a falsa convicção de que sempre precisa ser mais conciso e enxuto? Será que, na realidade, ele poderia desenvolver mais algumas circunstâncias, aprimorar ações, desdobrar cenas, aprofundar o que está superficial no texto, mergulhar de cabeça em determinadas metáforas, entrar mais em algumas personagens?
Com clientes recomendados principalmente por outros escritores, agentes literários e editores, também tenho trabalhado muito com autores de não ficção (biografias, ensaios, obras acadêmicas, livros jornalísticos e das mais diferentes áreas), analisando a harmonia entre forma e conteúdo. Nesse sentido, trabalho uma série de questões, entre elas: quais os diferenciais do livro em relação ao que já existe publicado? Como conquistar determinados públicos? De que modo tornar um texto atraente e valorizar ainda mais as informações, sem deixar que o conhecimento atropele a forma? O que fazer para conquistar um público leigo sem abrir mão de conhecimentos específicos? Quais os segredos para transformar uma tese num livro? Como e laborar um sumário que provoque o interesse do leitor? Qual a importância do título e do subtítulo do livro? O que é mais adequado par a entrar, ou não, na orelha, na quarta capa, no prefácio, na apresentação?

Na minha mentoria literária para autores, além disso, esclareço dúvidas de mercado, avalio suas perspectivas e sugiro os caminhos mais profissionais para que eles evitem abordagens equivocadas e se aproximem das editoras, sem desgastes desnecessários.

Veja abaixo alguns dos livros que ganharam essa mentoria no processo de publicação:

cropped-10156102_1593813367511545_6226872444781965683_n.jpg

Mande seu original. Entre em contato.

1 comentário Adicione o seu

  1. Neuza dos Anjos do Carmo disse:

    Márcio, bom dia! Que bom reencontrá-lo!
    Tive o prazer de conhecê-lo em minha cidade Ouro Preto, MG, no Fórum das Letrinhas, onde meus alunos e eu tivemos a oportunidade de fazermos juntos um ótimo trabalho. Lá se vão uns 5 a 6 anos.
    Hoje, gostaria de saber de você, sobre as suas obras, enfim seu trabalho, pois, preciso indicar o nome de um escritor para trabalharmos durante todo o ano, cuja culminância será o “Salão Literário”.
    A faixa etária entre 7 a 8 anos, precisaria saber quantas e quais são as suas obras, várias delas eu já conheço, porém, não sei o que seria novidade atualmente e se o número de obras atenderia uma turminha de 17 crianças. ( Para variar, fazer trocas e comentários). Gostaria muito de indicá-lo, ou melhor, que fosse você, essa pessoa.
    Espero obter um retorno o mais rapidamente possível, para dar andamento ao meu projeto.
    Att.: Neuza dos Anjos do Carmo

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s