Educação para a sensibilidade no ambiente profissional

Numa palestra voltada para empresas, associações e profissionais de todas as áreas, Márcio Vassallo fala sobre a importância do encantamento em nossas vidas e mostra como uma reaproximação com o universo infantil, geralmente rotulado como algo menor e uma mera etapa para a vida adulta, é capaz de nos tornar mais sensíveis, mais espontâneos, mais flexíveis, mais ousados, mais criativos, mais perceptivos, mais motivados, mais seguros, mais felizes.

por Isabel Carvalho 

Você conhece alguém capaz de, num breve encontro, fazer contato e estabelecer uma relação definitiva com os outros?

Há alguém que, mesmo você tendo visto poucas vezes, talvez só uma, e por pouco tempo, tenha um lugar reservado na sua cabeça?

Qual a diferença entre essa e outras pessoas com quem você convive, no dia-a-dia, sem ter um contato imediato, profundo, definitivo?

O fato é que há pessoas capazes de perceber e apreciar outras em segundos e, por isso, estabelecer contatos assim.

Márcio Vassallo é uma dessas pessoas. E não por acaso ele é um escritor. Sim, porque escritores e artistas, em geral, são criaturas de longas antenas, prontas a perceber o que os nossos corações e as nossas mentes mais desejam e mais carecem, muito além dos estudos de especialistas e das pesquisas sobre demandas de mercado.

E Vassallo literalmente vive de conhecer pessoas, fazendo entrevistas que rendem livros e livros que rendem encontros inesquecíveis. Afinal, Márcio Vassallo puxa dos entrevistados o que nem eles mesmos sabiam que estava lá, e isso quase sempre rende relacionamentos para o resto da vida.

Simplesmente porque, como ele costuma dizer, “nada faz alguém se ligar mais a outra pessoa do que se sentir percebido”.

Há palavras para isso, dessas palavras que usamos quando não sabemos realmente como definir o fenômeno que queremos designar: empatia ou encantamento, por exemplo.

Em geral, usamos uma dessas palavras e damos o assunto por encerrado, como se tratássemos de um fenômeno mediúnico, um dom excepcional, inexplicável e inapreensível.

Pois bem, a diferença entre este encantador de pessoas e outros é que Vassallo sabe exatamente como e por que o fenômeno se produz.

Mais do que uma pessoa sensível, Márcio Vassallo é um atleta da sensibilidade. Em suas palestras e oficinas, em todas as regiões do Brasil, ele mostra bem que não é alguém que só percebe os outros, mas que também conhece os elementos embutidos na percepção das pessoas e sabe como sintonizar as antenas, que, afinal, pensando bem, todos nós temos.

Depois disso, talvez você se pergunte: ótimo, mas para que servem essas antenas no cotidiano profissional?
Pense um pouco (e use as suas antenas), porque a resposta não é difícil.

– Para valorizar a identidade e aumentar cada vez mais a auto-estima das pessoas.

– Para integrar equipes.

– Para gerar relacionamentos fortes e leais com parceiros e fornecedores.

– Para atender clientes individuais com mais eficácia, compreendendo realmente as suas carências e os seus desejos.

– Para fazer o dia-a-dia render com mais leveza.

– Para a leveza gerar mais produtividade.

– E, enfim, para tudo que exija estabelecer relacionamentos de confiança.

___________________________________________________________

Isabel Carvalho é consultora senior da Bizingabau comunicação e marketing.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s